..::data e hora::.. 00:00:00

Política

Governador Gladson Cameli inaugura espaço multiuso na Escola São Francisco de Assis I

Governador Gladson Cameli inaugura espaço multiuso na Escola São Francisco de Assis I

Um espaço voltado para o esporte e cultura foi entregue, na manhã desta segunda-feira, 10, na Escola São Francisco de Assis I, em Rio Branco. Com um investimento de R$ 890,8 mil, o governo do Acre, por meio da Secretaria de Estado de Educação, Cultura e Esportes (SEE), inaugurou o Espaço Multiuso Manuel Hipólito de Araújo, que vai atender quase 200 alunos da rede estadual de ensino, como também a comunidade em geral. O governador Gladson Cameli esteve presente no evento, que celebra não só a educação, mas reforça a cultura do estado.

O espaço possui arquibancadas com capacidade para 154 pessoas sentadas, onde serão realizadas práticas esportivas, jogos educativos e atividades envolvendo recreação, teatro, cinema e música, além de festas e folguedos populares, bem como reuniões com a comunidade.

A Escola São Francisco de Assis I foi construída em 1963, pela comunidade do Centro Espírita e Culto de Oração Casa de Jesus Fonte de Luz, fundado pelo maranhense Manoel Pereira de Mattos (1888-1958).

Manuel Hipólito de Araújo, então liderança da entidade, propôs-se a ensinar as crianças em uma pequena sala dentro da igreja e passou a lecionar de forma multisseriada. Como o número de crianças foi crescendo e também demandado pelos adultos que desejaram ser alfabetizados, com o auxílio e os conhecimentos do mestre oleiro Antônio Lopes da Silva, produziu tijolos e ergueu a escola.

escola 002Alunos cantaram música feita para o evento de inauguração. Foto: Diego Gurgel/Secom

“Reconhecemos a importância dessa prática espírita luminosa, que auxilia milhares de pessoas. Reconhecemos a luta de um educador que ensinou crianças e jovens por esforço e iniciativa própria e que agora dá nome a esse centro de multiuso”, destacou o governador.

A partir do ano de 1964, a Casa de Jesus Fonte de Luz teve parceria institucional firmada com o governo do Estado, que reconheceu o estabelecimento de ensino e passou a apoiá-lo, com os programas e materiais da Secretaria de Educação. A parceria dura até hoje e a escola funciona em regime de colaboração com o governo do Acre por meio de convênio.

A inauguração do espaço corrobora essa parceria e reforça o compromisso do Acre com a educação democrática e inclusiva. “Este será um lugar de encontro e união para as pessoas que buscam o autoconhecimento através da espiritualidade. Assim quero saudar o mestre Francisco Hipólito de Araújo, filho do educador Manoel Hipólito, e todos os seus discípulos, que levam em frente a missão de ‘doutrinar o mundo inteiro’, como diz o hino do mestre Raimundo Irineu Serra”, afirmou o governador.

O chefe do Estado reforçou ainda que a educação aliada ao esporte, cultura e lazer, tem sido um dos pilares de sua gestão. “Estamos, em todos os municípios, com ações que reforçam esses segmentos, para que possamos criar oportunidades e mostrar o potencial da nossa juventude”, reforçou.

escola 003Governador destacou que tem priorizado educação aliada a cultura e esporte. Foto: Diego Gurgel/Secom

Escola e comunidade

Os benefícios do espaço se dirigem não só aos 197 alunos, mas a toda a comunidade, segundo o diretor da escola, Hildo Montysuma. “No passado, nós fazíamos recreação neste espaço, que era um ambiente de terra batida, onde as crianças ficavam expostas ao sol e que podíamos usar apenas nos meses de estiagem. Agora, bem estruturado, será um ambiente usado para reuniões com a comunidade e também utilizado para festas e folguedos populares”, destacou.

O gestor relembrou ainda a história da instituição e agradeceu os investimentos na instituição. “A nossa escola é, desde o princípio, um movimento de resistência cultural da comunidade e desta região, para que pudéssemos ter um ambiente escolar, educativo e que fosse aberto a todos indistintamente”, disse.

escola 004Mais de 190 alunos são beneficiados com o espaço multiuso. Foto: Diego Gurgel/Secom

Francisco Hipólito, atual presidente do centro espírita, recordou o esforço do seu pai para tornar da escola um ambiente plural e que salvasse as crianças do constrangimento causado pelo preconceito.

“É um espaço que era um sonho da comunidade há muito tempo e hoje faz 60 anos que essa escola foi cedida gratuitamente ao Estado. Meu pai, Manuel Araújo, reuniu a comunidade do centro aqui do lado e bateram tijolos para construir três salas de aula. Então, isso hoje para nós faz muito sentido, traz muita alegria para a comunidade inteira, para os alunos, para os professores e ex-professores que vêm reconhecer nesse lugar um espaço de educação e cidadania”, agradeceu, ao relembrar que esteve na direção da escola por mais de 30 anos.

escola 005Francisco Hipólito agradeceu a homenagem ao pai e relembrou a resistência que a instituição representa. Foto: Diego Gurgel/Secom

A direção destacou também que a escola tornou-se referência para atender crianças estrangeiras. Maria de Paula Fernandes, de 10 anos, chegou na escola há três. Ela só falava espanhol, mas hoje fala português fluente. “Estava muito ansiosa para conhecer como ficou a quadra. E estou muito feliz”, relatou.

Carmem Santos é mãe de dois alunos que frequentam a escola, no 1º e 5º ano. E conta que, assim como os filhos, estava inquieta para a entrega do novo espaço. “Meus filhos dormiram pouco, porque estavam muito ansiosos, e acordaram cedo pra gente vir pra inauguração. Este espaço vem para somar e ajudar ainda mais na educação dos nossos filhos”, avaliou.

banner mk xl