..::data e hora::.. 00:00:00

Polícia

Justiça do AC aceita denúncia e acusado de matar jovem em frente à distribuidora vira réu

Witallo Leonardo da Silva foi assassinado a tiros em fevereiro deste ano na Baixada da Sobral, em Rio Branco. Acusado está preso desde 25 de março na penitenciária da capital

A Justiça do Acre aceitou denúncia contra Rafael Souza Da Silva, apontado como um dos autores do homicídio do jovem Witallo Leonardo da Silva, em fevereiro deste ano. Agora réu no processo, ele responde pelo crime de homicídio qualificado.

O crime ocorreu na região da Baixada da Sobral, em Rio Branco, no dia 3 de fevereiro. Conforme denúncia do Ministério Público, por volta das 19h, o jovem estava em frente à uma distribuidora com um amigo, quando um veículo se aproximou e o acusado desceu já efetuando vários disparos de arma de fogo contra a vítima. Os demais envolvidos não foram denunciados.

Após os disparos, os criminosos fugiram do local. Ainda segundo a denúncia, o veículo usado no homicídio tinha sido roubado minutos antes. O crime tem ligação com guerra entre facções criminosas, uma vez que a vítima, de acordo com o processo, era amiga de integrantes de uma organização criminosa e o acusado pertencia à facção rival.

Silva foi denunciado por homicídio, com as qualificadoras de motivo torpe e recurso que dificultou a defesa da vítima. Ele está preso na penitenciária de Rio Branco desde o dia 25 de março deste ano, quando foi cumprido mandado de prisão preventiva.

Em decisão publicada no último dia 1 de junho, o juiz Alesson Braz, da 2ª Vara do Tribunal do Júri, manteve a prisão preventiva do acusado e determinou que seja marcada a audiência de instrução e julgamento.

Image
Image

logo news2